terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Atualizações

Atenção: aqui falamos sobre xixis, cocôs, penicos e afins, como quem diz que foi comprar pão. Nojinho, oi? O que é isso? Agora é vida de mãe, bebê!


Tópico 1: O Desfralde

Pois bem que mesmo depois do meu post tenso com as indicações de que a temida hora chegara, a mamãezinha aqui ainda não estava preparada para o tal do desfralde. Xixis pela casa e um cocô bem no meio da sala, enquanto a cria desenhava placidamente pelada (em pé, gracias a Dios!), me desanimaram um pouco de seguir nesta empreitada.

Mas aí, no último final de semana, Nina peladona pela sala, falei:

- Filha vamos lá fazer um xixi no penico?
- Não.
- Vamos, filha... (já levando a pequena resistente).

Sentei a pequena no troninho e falei pra ela fazer xixi, com direito a sonzinho estimulativo. Ela ficou vermelha, meio roxa, fez cara de força e eu pensando, "nossa, é só um xixi filha, não um parto". Quando levantou, pasmem, tinha um cocô ali! Eu olhei e comemorei (oi?): "Um cocô, filha! Muito bem!!!"

Ela por sua vez, adorou a própria obra. Repetia, "cocô, cocô, quero mais". Tentou em vão encher o pote com suas necessidades, até se dar por satisfeita. Depois disso, toda hora entrava no banheiro e dizia que ia fazer cocô.

- Faz xixi, filha.
- Xixi não! Cocô.

Putz, agora vai querer cagar o dia todo. Expliquei que ela já tinha cumprido essa etapa e que não precisava fazer toda hora...

Aí estou lá na sala, vendo "Mulheres de areia" que eu gravo para não perder um capítulo de Ruth e Raquel com Glória Pires exibindo sua cabeleira vasta e brilhante, herança de família, já que todas as filhas nascem com o MESMO cabelo (muitamuitamuitainveja), quando escuto Nina gritar: "Xixi, mamãe, xixi!"

Já levantei procurando um pano, um desinfetante, rezando para ter sido no chão ao invés do tapete do quarto e o que encontrei? Um xixi no penico!

Ela passou pelo banheiro e, no auge de sua independência, entrou, levantou a tampa do micro vaso, sentou e fez um xixi. S-O-Z-I-N-H-A.

É um ser evoluído meu povo.

Tópico 2: O Teatro

Uma amiga do trabalho é também atriz e sempre faz peças para crianças. Já programei para levar a Nina várias vezes, mas sempre acabava acontecendo algum problema. Desta vez me organizei, convidamos a Dinda e partimos para encontrar o "O gato de botas".

Chegamos alguns minutos antes. Nina super serelepe. Entrou no teatro, brincou com as crianças que estavam na fileira da frente, tentou fugir (como sempre), tentou reorganizar as cadeiras (como sempre), até que apagaram as luzes. Nina sentou no meu colo e arregalou os olhos. As patinhas do gatinho começaram a aparecer, ao som de uma musiquinha. Nina tensa. De repente, as cortinas se abriram e surgiu o ator, alto, vestido de gato, rosto pintado e falando em portunhol: "Buenas tardes, chiquitos!"

E a resposta fofa e ALTA da minha filha: "Não telo esse não, mamãe. Não telo esse não!" Enquanto pedia para ir embora. Saímos do teatro, eu tentando convencer a pequena a ver a peça, largamos a Dinda lá dentro, Nina irredutível. Resgatamos a Dinda e fomos embora. Ainda perguntei:

- Nina, você não quer mais ver o gatinho no teatro?
- Telo não. Muito gandi. Medo, medo, medo...




5 comentários:

  1. O Dudu vai fazer 8 meses dia 20, minha mãe comprou um peniquinho para ele já porque disse que desfraldou eu e meus irmão com 9 meses... pelo que leio o que você conta ela foi meio ninja em conseguir tal proeza não? rsrsrs eu não discuto com ela, mas acho bem improvável que isso acontece com Dudu...rsrrs to começando a ficar com medo desse momento...bjoss

    ResponderExcluir
  2. Vanessa Benicá Russo13 de dezembro de 2011 16:01

    kkkkkkkkk muito bom, "Telo não. Muito gandi. Medo..." Ela é a melhor! rsrs

    ResponderExcluir
  3. Aiiiiiii tô super contente, SOZINHA, tá independente mesmo viu ?
    Nina, o teatro é super bom, amanha é a estreia do meu teatro !
    Beijoos

    ResponderExcluir
  4. Outro dia eu andei pensando alto no tuiter... ser mãe é muito nojento né?
    Tirando a parte maravilhosa, só sobra vergonha e sujeira!!
    Bjo

    ResponderExcluir
  5. sobre o desfralde: nem me lembro como foi o desfralde do xixi de alice - o de cocô que foi tenso, lembro bem! e ando tensa com o de arthur, ai-ai: tudo que foi tranquilo com alice é tenso com arthur e tudo que foi tenso com alice é horripilante com arthur... mas hoje fiquei esperançosa de ter uma exceção a esta regra: ele acordou de um sono de 12 horas com a fralda SE-CA!

    sobre o teatro: insista, leve mais vezes e procure peças bem "bobinhas" sem muitos efeitos especiais ou suspenses... com o tempo ela vai adorar!

    beijoca

    ResponderExcluir